terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

LUGAR do FENG SHUI

O Feng Shui que pratico tem uma abordagem "Chi" de reconhecimento da energia vital dentro de um ambiente. A ideia é a percepção integral do LUGAR com uma leitura diagnóstico da energia, realizada da mesma forma que uma leitura de pulso dada por um acupunturista.

Uma das coisas que procuro ensinar na minha consultoria é buscar entrar no seu espaço como se estivesse entrando pela primeira vez e procurar fazer uma leitura de significados. O LUGAR traz também a expressão da nossa identidade, que uma vez reconhecida pode ser sutilmente transformada através do Feng Shui. Gosto dessa abordagem por que desmistifica um pouco a crença pura e simples na prática do Feng Shui, e nos coloca como agente de transformação, e se adapta melhor a interações com o LUGAR.














Como a ferramenta do Feng Shui através de uma mapa - o Baguá - nos possibilita co-criar a realidade que se imagina, através das indicações dadas pela leitura do LUGAR?

VENDO
As visualizações com os olhos da mente são muito importantes no Feng Shui dos ambientes, pois ele nos transmite as imagens que desejamos criar e uma vez que nos conectamos diariamente tenderemos a sua manifestação. Em outras palavras o FENG SHUI através da aplicação do "Baguá" nos auxilia a visualizar o desejo, pois no LUGAR, através das 9 áreas, estamos mentalizando com pensamentos e ideias nossas intenções, e propósitos de êxito. 

SENTINDO
Sentir é projetar com o emocional e a sensação emocional é igualmente criativa.  O LUGAR precisa também ser sentido no Feng Shui funcionar, em outras palavras a pessoa tem que estar aberta emocionalmente para a realização e manifestação de suas intenções. Além da visualização e pensamento da mente o sentir é parte importante pois nos coloca inteiro no processo de transformação, pois nos ligamos através das emoções a ideia. Uma a pessoa que quer melhorar sua área de Relações por mais que mentalize com Feng Shui a área específica se não se abrir emocionalmente para sentir a realização, estará parcialmente manifestando sua intencionalidade. Precisamos estar inteiros, por isso é onde trabalhamos as técnicas de meditação, a recitação de mantras, e os mudras.
       
SENDO 
É partir para ação. Manifestar aquilo que mentalizamos os e sentimos exige agir. Na área das Relações também precisamos fazer algo, sair para conhecer pessoas fará realizarmos, se ficarmos em casa não encontraremos ninguém. Já área da Carreira precisamos ir atrás, distribuir currículos no caso de emprego, divulgação no caso de venda e assim por diante. Essa é a experiência de LUGAR, na interação entre pessoas, objetos e espaços onde ocorrem os eventos. 

A abordagem "Chi" do Feng Shui é a da consciência, neste sentido é um caminho de autoconhecimento e realização. O "Chi" circula energeticamente no nosso corpo e circula energeticamente no LUGAR, é inalada para dentro da casa e flui de acordo com a sua estrutura interior. A posição dos cômodos, assim como a arrumação dos móveis, poderão ser ou não favoráveis ao fluxo de energia. Se a energia que fluir for boa, então seus moradores terão saúde e fortuna. Todos temos algum grau de conhecimento e sensibilização sobre o LUGAR, o nosso objetivo é aumentar a  conscientização para melhorar a qualidade destes e de quem os vivencia. 

O Feng Shui tem que estar condizente com a observação, onde o importante é a realidade constatada, não a história construída, não é uma linguagem última e determinista, portanto autoritária que diz as coisas pela última vez. O conceito do Feng Shui nos aponta para onde devemos caminhar e devemos nos aprofundar dentro de nós mesmo no EU SOU.





















O LUGAR, pela constatação das energias complementares Yang - CRIATIVO - e Ying - RECEPTIVO - é um cenário onde identificamos os 5 elementos e as 9 áreas como um mapa orientativo.   

TAO é o caminho.

Gabriel Menna Barreto
61-99671-0810
Arquitetura °  Feng Shui ° Harmonização Ambiental
lugarquantico@gmail.com

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

LUGAR: Busca da Visão 2018

As vivências xamânicas de um modo geral trazem muito a experiência de LUGAR.

Já escrevi a respeito dos Círculos do Fogo Sagrado onde mesmo com poucos elementos construídos, sejam pedras ou estacas os espaços energéticos se configuram - sem paredes; e também sobre o Temazcal Sagrado com a geometria da tenda para esta cerimônia. Quanto a busca da visão o LUGAR adquire a dimensão temporal com maior intensidade, mesmo por que estamos privados da palavra, do alimento e da água durante 4 dias - quem tiver interesse vale procurar saber mais.





Depois do Temazcal fomos "plantados" dentro um Círculo Sagrado de rezos com tabaco, onde ficamos os 4 dias sem sair do cerrado brasileiro. Dentro deste círculo, com aproximadamente 25 m², a barraca, ou rede, e mochila. Quando montei a barraca tinha acabado de chover muito e procurei onde não havia tanta água, mas intuitivamente a barraca ficou no sentido leste e oeste para frente. A leste a barraca tinha janela que permitia o sol da manhã entrar e fazer a ventilação cruzada que ajudou nos horários de sol a pino, assim como a lona prata metalizada refletiu o radiação solar. Veja como uma simples barraca pode nos trazer diversas questões de arquitetura, conforto e ambientação.




A experiência de tempo vai muito além do conforto da barraca, pois é sentida através das horas com o movimento do Sol. Por causa da sombra a frente oeste era o refúgio da manhã e os fundos leste o da tarde, sendo que no horário de pico a barraca era o melhor lugar. Sempre saudando as 4 direções, fundamentais nas práticas xamânicas e nos projetos de ARQUITETURA, FENG SHUI e HARMONIZAÇÃO.

O confinamento na natureza é sentido de outra maneira que um confinamento entre 4 paredes, pois tem a imensidão do céu com a força do sol durante o dia e estrelado na noite, as montanhas, horizontes amplos, vegetação abundante e animais. Tudo isso de uma certa forma está presente com muita intensidade, pois estamos num LUGAR por 4 dias sem nada a fazer, no silêncio e restritos da nossa nutrição. Claro que as sensações do corpo são muito ruins, você está a prova total, e isso também influencia na percepção do LUGAR e te obriga a olhar para dentro de uma forma ou de outra, para o LUGAR interno. Pedia chuva para beber a água que caísse no meu círculo.



A prática xamânica tem raízes profundas onde o objetivo é se conhecer (Conhece-te a Ti mesmo...), é um rito de passagem, o primeiro portal é o SUL, cor vermelha, da HUMILDADE, para quem faz o compromisso completo são mais 3 portais: LESTE de 7 dias, OESTE de 9 dias e NORTE de 13 dias, onde algum alimento e água é levado.
















É de fato uma experiência de LUGAR, como todas as nossas experiências são. A questão que trago é o sentido de presença que passa a ser atemporal, aquele momento e LUGAR único.

Mesmo dentro da barraca e círculo podia mapear o Baguá e organizar as áreas, minha mochila e roupas ficaram na área de RELAÇÕES afinal era com elas que me relacionei sozinho e o colchonete ocupava RIQUEZA, FAMÍLIA E SABEDORIA. Podem dizer que melhor era a entrada voltada para LESTE, onde o Sol da manhã trazia SUCESSO, mas gostei mesmo da minha porta a OESTE para o sol se dirigia, mesmo que seja uma quebra de paradigma, ali quando armei a barraca correu a ÁGUA da CARREIRA. De toda a forma os 5 elementos presentes.

Hoje os chineses comemoram o ano 4716, o FENG SHUI dos primeiros xamãs da china tem quase isso, era a arte do K'na-yu que significa literalmente "a forma do território" baseada na compreensão das vias do céu e das vias da terra.

De elemento terra, a energia do cão de 2018 está conectada diretamente ao lógico e racional, onde ideias e estratégias bem estruturadas encontrarão mais chances de alcançarem o sucesso. O fogo e metal também estarão presentes na energia do cão, e isso indica que para a construção de uma estrada de realizações será necessário que haja sinceridade e respeito aos demais.

Lealdade aos nossos propósitos.



 





                  

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

QUÊRENCIA

A palavra querência por si só ressoa em mim diversos sentimentos, num dicionário informal encontraremos o seguinte significado: palavra usada pelos gaúchos ou pessoas da região sul do Brasil para se referirem a sua cidade, povoado, vila. Ou ainda, lugar amado, lugar que nascemos e etc. Nasci no sul e faz parte da minha cultura e me vem a imagem dos Aparados da Serra como querência da paisagem.  

Nas minhas andanças sejam externas ou externas, sinto o quanto é amplo esse LUGAR. Hoje tomo um chimarrão aqui no planalto central para onde minha querência se estendeu e parte de mim, sem mesmo ter viajado até lá, quer muito Vancouver no Canadá onde meu filho está morando. Tantos lugares foram minhas querencias, alguns por pouco tempo, mesmo numas férias curtas ou passeio, outros onde morei um período. Esses lugares continuam sendo querencias na forma de agradecimento. 
    
O que é importante pensarmos para nossas querencias: 
  • Existe um horizonte amplo de possibilidades, para não ficarmos achando "feio o que não é espelho", que faz cada LUGAR único e especial a seu modo.
  • Onde estivermos podemos tornar esse LUGAR melhor, mesmo para quem não tem formação em arquitetura, existem formas de melhorarmos os ambientes que passamos. Usamos o que chamamos de harmonização. 
  • Todo LUGAR é fonte de aprendizado, até mesmo como exemplo ruim em desequilíbrio. Claro que é melhor se conseguirmos admirar e tirar boas idéias de um LUGAR harmonizado.   
  • E principalmente devemos nos relacionar harmoniosamente com o LUGAR, nossa casa, nosso trabalho, nossa igreja, nossos espaços de lazer. Isso requer uma tomada de consciência e o mesmo cuidado e atenção que devemos ter para com nosso corpo e demais "casas" que habitamos, requer querer.       
Por isso gosto de querência,  por que ela vibra o querer do LUGAR. 

Saudações. 

arquitetura . feng shui . harmonização ambiental
Gabriel Menna Barreto
lugarquantico@gmail.com


Cânion Itaimbezinho, Parque Aparados da Serra no Município de Cambará do Sul.


Vancouver, Canadá.

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

QUESTÕES DE PERCEPÇÃO

...
Segundo Franz Brentano, os fenômenos físicos captam nossa “percepção exterior”, enquanto que os fenômenos mentais concernem a nossa “percepção interior”. Os fenômenos mentais têm uma existência real e intencional. Desde o ponto de vista empírico, um edifício poderia nos satisfazer como uma entidade puramente físico-espacial, mas desde o ponto de vista intelectual e espiritual necessitamos entender as motivações que encerra. Esta dualidade de intenção e de fenômenos é similar à interação que existe entre o objetivo e o subjetivo ou, dito de um modo mais simples, entre o pensamento e o sentimento. O desafio da arquitetura consiste em estimular tanto a percepção interior como a exterior, em realçar a experiência fenomênica enquanto, simultaneamente, se expressa o significado, e desenvolver esta dualidade em resposta às particularidades do lugar e da circunstância.
Para entender a interação entre os fenômenos experienciais e seu propósito, disseccionamos o todo e analisamos nossas percepções parciais. Da mesma forma que na experiência perceptiva direta, a arquitetura se entende inicialmente como uma série de experiências parciais mais que como uma totalidade.
Texto original em espanhol: Steven Holl (Cuestiones de Percepción: Fenomenología de la arquitectura, GG, 2011) / Tradução: Igor Fracalossi
Arquitetura, Hamonização Ambiental, Feng Shui, Geobiologia.
lugarquantico@gmail.com

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Casa em Alto Paraíso/GO

A cliente sabia muito bem o queria e não quis ideias para uma arquitetura diferenciada, eu praticamente só desenvolvi o projeto. Em função do orçamento apertado fez as escolhas de materiais e acabamentos e está de parabéns pela execução com muito cuidado, amor e capricho. Emanando altas vibrações que com certeza amenizam o impacto de uma obra para o meio ambiente.

A casa de um modo geral ficou bem iluminada e ventilada, e tem visuais incríveis que do ponto de vista da arquitetura poderiam ainda ser melhor exploradas. Da mesma forma uma casa projetada sem recortes de telhas aproveitaria o material 100% e evitaria o desperdício de um telhado 4 águas e a execução poderia ficar mais simplificada. Já o dimensionamento dos ambientes ficou excelente, assim como as tradicionais varandas. A área social em especial que ocupa toda a frente da casa, está especialíssima.

Sabemos que o ideal sempre é um acompanhamento técnico maior, principalmente nos projetos complementares, estrutural e instalações elétricas e hidráulicas. Acrescentaria um custo mas garantiria atendimento as normas. 

Bem. O mais importante que ela está gostando muito da sua nova morada e vibrando alto pelo LUGAR. Muitas bençãos para a família. Benções da fundação a cumeeira.

Muitas tradições pelo mundo fazem rituais para as construções das edificações. Vai construir?  Quer saber mais? Faço projetos e trabalho com harmonização de ambientes e Feng Shui.

arq. Gabriel Menna Barreto
61-99671-0810
lugarquantico@gmail.com



sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Flores para um NOVO ANO

Dentro de um trabalho de HARMONIZAÇÃO AMBIENTAL são usados diferentes técnicas complementares entre si. As flores pela suas sutilezas intrínsecas são excelentes veículos vibracionais. Basta vermos que levamos flores para uma pessoa doente melhorar; para uma namorada, ou namorado; para nossas mães; cerimônias e eventos; e com elas estamos oferecendo nossas melhores intenções. Dentro de diversas tradições religiosas as flores são oferecidas nos altares como demonstração da nossa devoção e gratidão a diversas representações das manifestações divinas, o Todo - Campo da Consciência para a física quântica.   

Como isso está relacionado com os lugares que vivemos e com o ativismo quântico? 

Os ambientes também são sensíveis a vibrações, e como tudo ao eletromagnetismo, podemos oferecer flores para os espaços, e áreas mapeadas, com intenções bem específicas para a sua harmonização. Quando fiz meu primeiro curso de FENG SHUI em 2010, tivemos um dia que montamos IKEBANAS - Ikebana é a arte de montar arranjos de flores, com base em regras e simbolismo preestabelecidos. Ikebana é um termo em japonês que significa flores vivas. Fonte: https://www.significados.com.br/ikebana/

Dessa forma o FENG SHUI trabalha como os espaços, mapeando e colocando foco naquilo que se quer, enviando informações programadas através da experiencia do LUGAR. Aquela flor vermelha ali representando o SUCESSO vai contribuir para estabelecer essa frenquencia, de uma forma bem simples.      

Muitas pessoas fazem isso de uma maneira bastante intuitiva buscando equilibrar as energias, mas feito de uma forma mais consciente acaba sendo potencializado. Um exemplo simples, é ofereça flores vermelhas para a área do SUCESSO e dessa form estimule o elemento FOGO do trigrama LI.

Melhorando nossos espaços seja através da ARQUITETURA, aliada a FENG SHUI, e a GEOBIOLOGIA, estaremos contribuindo através da ressonância com a nossa própria melhora; através de diversas técnicas de harmonização: cromoterapia, aromoterapia, musicoterapia, entre outras tantas, onde também está incluso o IKEBANA. É incrível como uma simples flor pode mudar a vibração de um LUGAR como pude constatar diversas vezes com a minha experiência pessoal e através de relatos de outras pessoas. Quem tem um pouco de sensibilidade para o sutil percebe com facilidade, eu fui treinado desde criança a essas percepções, mas qualquer um pode sentir.   

Ofereço essas flores para este NOVO ANO.  Gratidão. 

Saudações hamonicas. 

GABRIEL MENNA BARRETO 
arquiteto
61-99671-0810
gmennabarreto@gmail.com
    

http://flores.culturamix.com/arranjos/como-fazer-arranjo-de-ikebana

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

A Rosa dos Ventos 2018

Rosa dos ventos nos mostre a direção para 2018. A bússola orienta, o mapa Baguá organiza as áreas no ambiente e manifestamos nossas intenções e propósitos com o máximo de atenção, cuidado e zelo. Profetizada no orai e vigiai. É sentirmos as vibrações e nos conectarmos com a nossa intuição, buscarmos os frequenciais, sintonizarmos na "FM" (Modulação em Frequência), transmitirmos boas ondas para todas as direções e orientarmos nosso rumo na linha do amor e da verdade, neste ano que inicia.

O FENG SHUI, é usado como um sistema de representação que estimula a circulação de energia vital, o CHI, uma ferramento de co-criação para gerar movimento nos espaços,  vibrando com essa forma nossos propósitos. O convite é para observação consciente dos lugares, através dos conhecimentos empíricos da tradição milenar do FENG SCHUI com uma perspectiva quântica.



LESTE - 3

É o sol nascente, a chegada da PRIMAVERA, o início, no FENG SHUI é a área da FAMÍLIA onde crescemos, elemento MADEIRA. O animal mítico é o DRAGÃO verde, estabilizando e nos ajudando a discernir e ter mais sabedoria.



SUDESTE - 4

Área da PROSPERIDADE ascendente, elemento MADEIRA.

SUL - 9

Elemento FOGO, e o VERÃO na tradição do FENG SHUI - no hemisfério sul pode ser o norte - é a área do SUCESSO onde nos realizamos. Tem como animal mítico a FENIX vermelha, nos inspirando constantemente a ascender nossa chama.



SUDOESTE - 2

Área dos RELACIONAMENTOS que realizamos, elemento TERRA.

OESTE - 7

Representado pelo OUTONO, área da CRIATIVIDADE, expressa nas crianças e no nosso futuro, o elemento é METAL. O animal mítico é o TIGRE branco representando o perigo e é de grande força criadora.



NOROESTE - 6

Área das VIAGENS e AMIGOS, elemento MADEIRA.

NORTE - 1

É o INVERNO - no hemisfério sul pode ser o sul - a área da CARREIRA, o elemento ÁGUA. O animal mítico é a TARTARUGA, negra, nos protegendo as costas e nos dando a segurança com seu casco.



NORDESTE - 8

Área da SABEDORIA e ESPIRITUALIDADE, completando o ciclo, elemento TERRA.

No FENG SHUI além das 8 direções (4 principais e 4 complementares), que nos orientam, temos a área central que compõe o quadrado mágico.

CENTRO - 5

É a área da SAÚDE, o elemento TERRA, e o animal mítico é a SERPENTE amarela em permanente movimento e transformação. O TAO, onde devemos nos posicionar para nos orientar pelos animais míticos do FENG SCHUI.



Experimente aplicar e obter resultados, a medida que mudamos nossas frequencias e vibrarmos de outra forma. Vamos juntos observar com todos os sentidos aquilo que vai no ajudar nessa mudança, seja nos lugares onde vivemos, na nossa casa, no nosso trabalho, e no nosso lazer. 

Vamos harmonizando, que a Rosa dos Ventos oriente a direção a tomar. Saudações.

Gabriel Menna Barreto
arquiteto
gmennabarreto@gmail.com
61-996710810

ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA

O ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA , ou ATELIE   compartilhado com o arquiteto e fotógrafo Jean Peixoto tem como endereço a CLN 211, Bloco A, sala ...